Riscos relacionados à pandemia da COVID-19 e ao fato de o Estudo de Viabilidade ter sido elaborado sem considerar o impacto da COVID-19 no mercado de capitais brasileiro

Tendo em vista os recentes impactos negativos da pandemia da COVID-19 nos mercados de capitais mundiais, observou-se no primeiro trimestre de 2020 elevada volatilidade na precificação de ativos financeiros. Neste momento, não é possível prever os impactos relacionados à COVID-19 nas perspectivas de desempenho do Fundo. O Estudo de Viabilidade constante do Anexo VII ao presente Prospecto foi elaborado sem considerar eventuais impactos da COVID-19 no mercado de capitais brasileiro. Portanto, é possível que as análises e projeções adotadas no âmbito do Estudo de Viabilidade acerca do desempenho futuro do Fundo não se concretizem, o que poderá resultar em prejuízos para o Fundo e os Cotistas.